Links de Acesso

Senado pode aprovar no sábado indicação de Brett Kavanaugh para o Supremo Tribunal


Senador Chuck Grassley (esq) e juiz Brett Kavanaugh (dir)

Aprovação é vitória para o Presidente Trump

O juiz Brett Kavanaugh, indicado pelo Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ao Supremo Tribunal, deu um passo em direcção ao cargo nesta sexta-feira, 5, depois de o Senado o ter aprovado em votação preliminar, apesar das acusações de assédio sexual feitas de que é alvo.

Após uma disputa partidária que abalou o país, senadores apoiaram Kavanaugh por 51 votos contra 49, numa votação na etapa de tramitação que levou o Senado, controlado por republicanos, em direcção a uma decisão definitiva sobre confirmá-lo ou não.

A confirmação completa deve acontecer até a manhã de sábado.

A aprovação de Kavanaugh é uma vitória clara para o Presidente Donald Trump e dará a maioria de cinco juízes contra quatro no Supremo Tribunal aos conservadores, em possíveis batalhas legais sobre questões controversas como o direito ao aborto, imigração e à tentativa de Trump de proibir pessoas transgênero de servirem as Força Armadas norte-americanas.

O caso abalou os norte-americanos semanas antes das eleições do dia 6 de Novembro, em que os democratas tentarão tomar dos republicanos o controlo do Congresso.

O que já era uma batalha fortemente partidária tornou-se um intenso drama político quando a professora universitária Christine Blasey Ford acusou Kavanaugh de abuso sexual, que teria sido cometido quando os dois estavam no ensino médio, em 1982.

Duas outras mulheres também fizeram acusações de assédio sexual contra Kavanaugh, mas não foram ouvidas pelo Comité Judicial do Senado, nem pelo FBI que fez uma intervenção de cinco dias em que ouviu apenas duas pessoas.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG