Links de Acesso

Seis agentes do SIC presos em Benguela após morte por espancamento de um jovem


Benguela

Seis agentes do Serviço de Investigação Criminal (SIC) na província angolana de Benguela, detidos há cinco dias por suspeita de assassinato de um jovem acusado de posse e uso de droga, começaram a ser interrogados pelo Ministério Público nesta quarta-feira, 5, apurou a VOA de fonte policial.

O jovem Quintas Feliciano, um de quatro elementos detidos numa operação policial no bairro da Graça, arredores da cidade de Benguela, morreu no passado dia 28 de Janeiro no Hospital Geral, onde chegou, saído da cela do SIC, com sinais de espancamento.

O relatório médico indica, que Feliciano, 18 anos de idade, associado à posse e consumo de estupefaciente, a chamada liamba, foi vítima de agressão.

Familiares e amigos pedem que se faça justiça, tal como Vitorino Nguelepete, membro da comunidade Rastafari, que falou da sua experiência quando detido em posse da liamba.

Nguelepete disse ter sido agredido com “chapadas” em vez de ter sido encaminhado po ministério publico.

‘São os mesmos que bateram neste menino, espancaram até à morte, deve haver justiça’’, acrescentou

Num comunicado em que confirma a abertura de um processo-crime, a Delegação Provincial do Ministério do Interior garante diligências para a descoberta da verdade material e responsabilização dos supostos infractores, apelando à calma aos cidadãos.

Ainda não se conhece a versão dos agentes, suspeitos de homicídio preterintencional, punível com penas entre os 2 e 8 anos de prisão.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG