Links de Acesso

SADC muda mandato da sua força militar em Cabo Delgado de "desdobramento rápido" para "força multidimensional"


Tropas presentes na vila de Mocímboa da Praia, Cabo Delgado, Moçambique

Novo mandato, aprovado em cimeira da Troika, permite a assistência humanitária nas regiões conquistadas aos terroristas

Os chefes de Estado dos países-membros da Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral (SADC) aprovaram um "mandato mais robusto" da sua força localizada na província moçambicana de Cabo Delgado, SAMIM na suas siglas em inglês, que visa a estabilização das "conquistas alcançadas" no combate ao terrorismo.

No comunicado divulgado no final da Cimeira Extraordinária Virtual da Troika da SADC nesta terça-feira, 12, lê-se que os chefes de Estado aprovaram a transiçãodo Cenário 6, Capacidade de Desdobramento Rápido, para o Cenário 5, Força Multidimensional, com um mandato robusto".

A nota não avança detalhes sobre o alcance desta transição, mas o cenário 5 está virado à estabilização e desenvolvimento nas regiões conquistadas pelas forças da SADC, nomeadamente o apoio à assistência humanitária.

"A Cimeira manifestou ainda o seu apreço à União Africana e aos parceiros de cooperação nternacional pelo apoio à estabilização da situação de segurança, bem como à recuperação e desenvolvimento socioeconómico da província de Cabo Delgado", conclui a nota.

A reunião foi presidida pelo chefe de Estado sul-africano, Cyril Ramaphosa, que preside a Troika, e mais 9 presidentes, entre eles João Lourenço, de Angola.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG