Links de Acesso

Rebeldes Islâmicos matam 11 soldados na Nigéria


Pelo menos 16 pessoas, incluindo 11 soldados foram mortos em ataques de radicais islâmicos no estado de Borno no nordeste da Nigéria, disseram fontes militares.

Essas fontes disseram que facções rivais de radicais islâmicos atacaram vários alvos militares e civis em ataques que começaram na Quinta-feira e prolongaram-se até hoje.

Na Quinta-feira combatentes do chamado Estado Islâmico para a província da Africa Ocidental emboscaram uma coluna militar perto da aldeia de Mauro no distrito de Benisheik.

Onze soldados foram mortos 16 outros feridos e dois outros estão dados como desaparecidos.

Num outro ataque no mesmo dia combatentes do Boko Haram atacaram um veiculo na aldeia de Frigi matando uma pessoa e outra.

Dois membros de uma milícia local foram mortos em Gubio a 80 quilómetros da capital estatal Maiduguri.

Já hoje combatentes do Boko haram atacaram um campo de deslocados na cidade de Banki perto da fronteira com os Camarões matando dois residentes e ferindo três guardas.

Cerca de 35.000 pessoas já morreram na rebelião do Boko Haram que dura há cerca de dez anos e que causou dois milhões de deslocados

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG