Links de Acesso

Ratos gigantes trabalham pela desminagem de Moçambique

São mimados, acarinhados. Muito bem tratados. A sua dieta muito bem cuidada, como explicou à Voz da América Orlando Tsambo.
Mostre mais

Ratos detectores de minas e engenhos explosivos, em gaiolas colocadas numa casa num acampamento da APOPO, no distrito da Moamba, província de Maputo.
1

Ratos detectores de minas e engenhos explosivos, em gaiolas colocadas numa casa num acampamento da APOPO, no distrito da Moamba, província de Maputo.

Desminagem no distrito da Moamba, província de Maputo. Moçambique, Março 2014, Francisco Júnior/VOA
2

Desminagem no distrito da Moamba, província de Maputo. Moçambique, Março 2014, Francisco Júnior/VOA

Ratos ajudam no processo de desminagem no distrito da Moamba, província de Maputo. Moçambique, Março 2014, Francisco Júnior/VOA
3

Ratos ajudam no processo de desminagem no distrito da Moamba, província de Maputo. Moçambique, Março 2014, Francisco Júnior/VOA

Em alimentação, suplementos nutricionais e cuidados de saúde, a APOPO gasta, por cada animal, 60 euros por ano, o equivalente a 2 580 mil meticais. Moçambique, Março 2014, Francisco Júnior/VOA
4

Em alimentação, suplementos nutricionais e cuidados de saúde, a APOPO gasta, por cada animal, 60 euros por ano, o equivalente a 2 580 mil meticais. Moçambique, Março 2014, Francisco Júnior/VOA

Carregar Mais

XS
SM
MD
LG