Links de Acesso

PT em campanha nacional pela candidatura de Lula da Silva à Presidência do Brasil


Lula da Silva, acompanhado da presidente do PT

Dilma Roussef diz que antigo Presidente é preso político

O Partido dos Trabalhadores (PT)começa a circular os grandes centros urbanos do Brasil para lançar oficialmente a pré-candidatura do antigo Presidente Lula da Silva ao Palácio do Planalto.

PT em campanha nacional pela candidatura de Lula da Silva à Presidência do Brasil
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:21 0:00

Nas caravanas organizadas país afora, estão presentes os políticos mais influentes da legenda como a ex-presidente Dilma Rousseff e a líder do PT, senadora Gleisi Hoffmann.

"Lula não está com os direitos políticos suspensos. Vamos confirmar a sua candidatura, o prazo eleitoral é 15 de Agosto. Não pensamos em plano B, ele é o nosso candidato e o único em condições para tirar nosso país dessa situação de crise e pacificá-lo", afirma Hoffman numa intervenção pública.

A antigo Presidente brasileira, Dilma Rousseff, diz que Lula da Silva tem que lutar contra tudo e contra todos.

“Por que ele está preso? Porque eles sabem que ele tem condições de barrar o golpe e isso o torna um preso político inocente e perseguido. É por isso que fizeram a mesma coisa comigo. Pediam para eu renunciar. Renuncia Presidente, pois é mais digno. Digno nada, digno é lutar e pretendemos fazer isso”, ressalta a antiga Chefe de Estado.

Lula da Silva está preso há dois meses em Curitiba.

Em Janeiro, o Tribunal Regional Federal da 4ª Região condenou o petista a 12 anos de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro no caso de um apartamento do Guarujá.

Com a condenação em segunda instância, ele deve ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa, o que pode impedir a sua candidatura à presidência.

Lula da Silva aguarda pelo julgamento dos recursos apresentados ao Superior Tribunal de Justiça e ao Supremo Tribunal Federal.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG