Links de Acesso

Primeiro-ministro guineense reúne-se com parceiros internacionais à procura de financiamento para as eleições


Aristides Gomes encontra-se com grupo P5

Aristides Gomes diz insistir para as eleições aconteçam a 18 de Novembro

Na Guiné-Bissau, o Governo continua a desenvolver esforços para realizar as eleições legislativas previstas para 18 de Novembro, apesar das dificuldades financeiras que enfrenta.

O primeiro-ministro Aristides Gomes reuniu-se nesta sexta-feira, 6, com o P5, o fórum das organizações internacionaissedeadas em Bissau nomeadamente as Nações Unidas, União Africana, CEDEAO, União Europeia e a CPLP.

No encontro, o Chefe do Governo apresentou o quadro geral que envolve a preparação das eleições legislativas.

Aristides Gomes reconhece haver dificuldades técnicas e financeiras, mas disse estar determinado em prosseguir com o processo, para que o acto eleitoral tenha lugar na data marcada.

“Estamos confrontados com dificuldades de gestão, mas estamos determinados - Governo e a Comunidade Internacional - para realizar as eleições na data marcada”, assegurou Gomes..

Entretanto, mesmo com o aproximar da data, ainda não se deu início ao recenseamento eleitoral, não obstante a abertura de candidatura para os agentes recenseadores.

“Nós vamos colar os editais para o recenseamento, mas muito antes, já tínhamos feito encomendas, através do PNUD que coordena estas actividades. É verdade que estamos a ter dificuldades em relação aos prazos em relação a chegada das encomendas, mas abrimos um concurso complementar para conter a situação”, explicou o primeiro-ministro.

Refira-se que tem havido muita pressão internacional para que a ida às urnas se mantenha na data marcada.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG