Links de Acesso

Polícia arromba sede do PAIGC e expulsa dirigentes e militantes


Dirigentes do partido estão reunidos com representantes das Nações Unidas em Bissau

A polícia guineense arrombou a sede do PAIGC, em Bissau, na madrugada desta quarta-feira, 31, e expulsou mais de 200 dirigentes e militantes que se encontravam lá desde da noite de segunda-feira.

Desta forma o congresso do partido previsto para iniciar não se realizou, alegadamente por decisão da justiça, o que o PAIGC refuta.

No final da manhã, os dirigentes do partido estavam reunidos com representantes das Nações Unidas.

Ainda hoje, o novo primeiro-ministro Artur Silva, será empossado, no que foi já considerado por Domingos Simões Pereira como uma decisão anti-Constitucional e fora do Acordo de Conacri do Presidente da República, José Mário Vaz.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG