Links de Acesso

Petróleo não deverá ser explorado comercialmente em São Tomé, diz FMI


O Fundo Monetário Internacional avisou que há poucas perspectivas de petróleo vir a ser explorado comercialmente em São Tome e Príncipe.

O aviso está contido numa declaração em que o FMI anunciou ter aprovado um pagamento de 900.000 dólares a São Tomé e Príncipe ao abrigo do programa económico apoiado pela Facilidade de Crédito Alargado.

Ao abrigo desse programa e com este novo desembolso São Tome recebei já 1,8 milhões de dólares. O programa tem a duração de três anos e envolve um total de 6,3 milhões de dólares

O desempenho no âmbito do programa apoiado pelo acordo foi satisfatório, disse uma declaração da organização notando que "as reservas internacionais aumentaram e a inflação continuou a recuar, atingindo o nível mais baixo das últimas duas décadas",.

“"A economia de São Tomé e Príncipe tem-se mostrado resiliente, embora as perspetivas para a produção comercial de petróleo sejam agora incertas após uma grande companhia de petróleo ter desistido da exploração", diz a declaração

Para este ano, o FMI prevê uma aceleração do PIB para 05 %por cento, "abaixo da meta de médio prazo de 6% fixada pelas autoridades e considerada necessária para produzir um impacto significativo na pobreza”.

A inflação deverá manter-se em torno dos 04% em 2016 e estabilizar em cerca de 03% no médio prazo, enquanto o défice da conta corrente deverá continuar a contrair, acrescentou o subdiretor geral do FMI.

Poderá gostar também

XS
SM
MD
LG