Links de Acesso

Pescadores admitem processar Chevron por derrame de petróleo


Mar de Cabinda continua coberto por grandes quantidades de manchas de petróleo

O mar de Cabinda continua coberto por grandes quantidades de manchas negras provocadas por um derrame de petróleo que já leva três dias e que ocorreu nas zonas de exploração de petróleo da Chevron.

Derramamento de petróleo em Cabinda - 2:25
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:25 0:00

O Departamento Provincial de Ambiente já confirmou o derrame, através do seu chefe Daniel Tati Luemba, quem adiantou que foram recolhidas amostras das manchas e neste momento decorrem trabalhos de limpeza nas zonas costeiras afectadas.

Para além das consequências ecológicas, o derrame do crude no mar de Cabinda deixou centenas de famílias privadas das suas fontes de rendimento.

A Chevron, segundo os pescadores, já proibiu toda a pesca na zona litoral de Cabinda e naquelas adjacentes às plataformas de baixa pressão, uma decisão com graves consequências para as famílias.

Entretanto, a Associação dos Pescadores da comuna de Malembo anunciou estar a equacionar a possibilidade de se apresentar uma acção judicial contra a Chevron.

Os pescadores querem uma indemnização pelos danos causados com o derrame.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG