Links de Acesso

Partido no poder garante eleições em 2020 em Angola


Oposição questiona interesse do MPLA

O grupo parlamentar do MPLA reteirou que as eleições autárquicas serão realizadas em 2020, numa semana em que políticos da oposição revelaram seu cepticismo devido a atrasos no processo.

“O receio em relação a isso deve ser, talvez, porque o Pacote Eleitoral Autárquico não está agendado para a próxima reunião (do dia 19), mas temos consciência de que é uma promessa eleitoral, é um compromisso com o povo e vai acontecer”, disse o deputado do partido no poder, Manuel da Cruz Neto, em declarações à imprensa, nesta sexta-feira, 8, no final da Conferência de Líderes Parlamentares.

Em reacção ao cepticismo da oposição, Neto sublinhou que "se não confiamos nas instituições, teremos muitos problemas”.​

Recorde-se que no programa da VOA Angola Fala Só no passado dia 1, o líder parlamentar da UNITA, Adalberto Costa Júnior, levantou dúvidas do interesse do projecto político PRA-JA, Servir Angola, afirmou não acreditar na realização das autárquicas “porque o MPLA receia o voto dos cidadãos”.

O pacote legislativo é constituído por oito propostas de leis, das quais foram aprovadas a Lei da Tutela Administrativa do Estado sobre Autarquias Locais e da Organização e Funcionamento das Autarquias Locais.

Por aprovar estão os diplomas sobre o Regime Financeiro, Proposta de Lei da Tutela Administrativa e a Proposta de Lei sobre a sua Institucionalização, Projecto de Lei das Finanças Locais, Proposta de Lei Orgânica sobre as Eleições Autárquicas e a Proposta de Lei da Transferência de Atribuições e Competências do Estado para as Autarquias Locais.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG