Links de Acesso

Países lusófonos de África e Brasil não pagaram ainda a quota da ONU


Estados Unidos são o principal contribuinte da organização com 591 milhões de dólares

Os cinco países africanos de língua portuguesa e o Brasil encontram-se na lista de 81 nações que ainda não pagaram as suas quotas referentes a 2018 à ONU, revelou a organização em comunicado.

Angola deve 243 mil dólares, Moçambique, 97 mil, e Cabo Verde, Guiné-Bissau e São Tomé e Príncipe 24 mil dólares cada.

O Brasil deve quase 93 milhões de dólares.

Todas as quantias já incluem descontos à quota anual, mas mesmo assim não foram pagas.

Portugal é o único lusófono que não deve à organização.

Os Estados Unidos são o maior contribuinte para este ano com 22 por cento do total ou seja 591 milhões de dólares, seguido do Japão com quase 236 milhões.

Refira-se que estas quantias não incluem os pagamentos para as operações de paz, cujos custos estão este ano avaliados em 7,8 mil milhões de dólares e para as quais os Estados Unidos contribuem com dois mil e 200 milhões de dólares.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG