Links de Acesso

Operação da polícia do Rio de Janeiro contra grupo criminoso deixa 25 mortos


Polícia Civil do Rio de Janeiro em operação anti-droga na favela do Jacarezinho, 6 de Maio 2021.

Uma operação da Polícia Civil do Rio de Janeiro, Brasil, contra o tráfico de drogas no Jacarezinho, na Zona Norte da cidade, deixou 25 pessoas mortas e provocou um intenso tiroteio nesta quinta-feira, 6.

Um polícia foi baleado na cabeça e morreu, segundo a corporação, que acrescentou que dois passageiros do metro foram baleados dentro de uma carruagem da linha 2, mas sobreviveram.

"A investigação teve início a partir de notícias recebidas pela DPCA de que traficantes vêm aliciando crianças e adolescentes para integrar a fação que domina o território”, disse a Polícia Civil em comunicado, acrescentando que “esses criminosos exploram práticas como o tráfico de drogas, roubo de cargas, assaltos a pedestres, homicídios e sequestros de comboios”.

A mesma nota indica que “foi possível caracterizar a associação dessas pessoas com a organização criminosa que domina a região, “onde foi montada uma estrutura típica de guerra com centenas de 'soldados' munidos com fuzis, pistolas, granadas, coletes balísticos, roupas camufladas e todo o tipo de acessórios militares".

Vídeos registaram o som de rajadas e explosões de bombas em diferentes pontos da favela.

A plataforma digital Fogo Cruzado, que regista dados de violência armada desde julho de 2016, afirma que este é o maior número de mortes durante uma operação da polícia numa comunidade desde o início dos levantamentos.

No mês de Junho, o Supremo Tribunal Federal (STF) suspendeu operações da polícia em favelas durante a pandemia, mas antes da operação de hoje a polícia teve de informar o Ministério Público sobre o motivo da operação.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG