Links de Acesso

Obras do porto de águas profundas de Cabinda colocam população em risco


Vista de Cabinda

O alerta é do director da Open Society de Angola, Elias Isaac, que pede intervenção das autoridades

A exploração petrolífera e de granito para a construção do porto de águas profundas na província angolana de Cabinda está a colocar a população da zona litoral e do município de Belize em risco.

A denúncia é do director da fundação Open Society em Angola, Elias Isaac, para quem a "exploração desenfreada de petróleo, para além de causar derrames permanentes ao mar, impede a actividade de pesca".

Construção de porto de Cabinda afecta campoenses - 2:22
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:26 0:00

Elias Isaac
Elias Isaac

No município de Belize, na zona de exploração de granito para a construção do porto de águas profundas para Cabinda, as estradas foram destruídas por causa dos movimentos dos caminhões que transportam as pedras.

Na aldeia do Caio Litoral, as propriedades dos camponeses também foram destruídas sem nenhuma compensação e a comunidade pode ser afectada "com erupções de terras", diz Isaac.

As reclamações já se arrastam desde há muitos anos.

Elias Isaac alerta que os níveis de frustração da população requerem diélogo e uma intervenção urgente das autoridades.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG