Links de Acesso

"O Livro do Deslembramento" regressa a Luanda no pós-bicesse


Ondjaki, escritor angolano

Escritor angolano Ondjaki lança romance que marca de 20 anos de carreira

“O Livro do Deslembramento” é a mais recente obra literária do escritor angolano Ondjaki, apresentada pela nova editora Kacimbo, no passado 27 de Dezembro, em Luanda.

O romance coincide com o momento em que o autor assinala 20 anos nas artes literárias.

Tal como em outras obras de Ondjaki, a acção de “O Livro do Deslembramento” localiza-se em Luanda no período em que, após os acordos de Bicesse, a guerra civil parou e houve eleições em Angola pela primeira vez. Mas em pouco tempo reacende-se a guerra civil.

Capa de "O Livro do Deslembramento", de Ondjaki
Capa de "O Livro do Deslembramento", de Ondjaki

Como diz o narrador, “aquela guerra que nunca ninguém nos apresentou ou explicou, a guerra que sempre tinha andado lá longe sem nos ameaçar assim nas ruas da nossa cidade, no nosso mar, nas nossas praias, nas nossas famílias».

É essa Luanda que nos é agora apresentada pelos olhos de uma criança. Essa Luanda em que «uma pessoa não sabe passar um dia só sem inventar uma estória». E as histórias seguem-se, numa estudada circularidade, até à última página.

“O Livro do Deslembramento” é certamente uma das mais belas obras de auto-ficção da literatura em língua portuguesa, segundo críticos. E Ondjaki, no ano de 2020, em que passaram precisamente 20 anos sobre a publicação do seu primeiro livro, dá-nos agora um dos seus melhores romances.

Ondjaki nasceu em Luanda em 1977. Prosador. As vezes poeta. É membro da União dos Escritores Angolanos.

As suas obras já foram traduzidas para francês, espanhol, italiano, alemão, inglês , sérvio, swahili e polaco.

Acompanhe:

"O Livro do Deslembramento" regressa a Luanda no pós-Bicesse - 18:35
please wait

No media source currently available

0:00 0:18:31 0:00


Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG