Links de Acesso

Namíbia regista dois primeiros casos de coronavírus e impõe proibição de viagens


Hage Geingob: "O governo da Namíbia está a suspender as viagens de entrada e saída de e para Qatar, Etiópia e Alemanha"

A Namíbia é a mais recente de uma lista crescente de países da África Subsaariana a divulgar os seus primeiros casos de coronavírus, reporta a Reuters.

Um casal da Espanha que chegou ao país da África Austral na quarta-feira apresentou resultados positivos e ficou em quarentena, disse o ministro da Saúde Kalumbi Shangula, neste sábado, 14.

Medidas de precaução apropriadas devem ser tomadas para proteger os namibianos de serem afetados pelo vírus
Presidente Geinob

Namíbia, Reino de eSwatini, Etiópia e Ruanda reportaram os seus primeiros casos de coronavírus nas últimas 48 horas, em meio a temores crescentes de que a pandemia poderia dominar o continente mais pobre do mundo.

O presidente da Namíbia, Hage Geingob, disse à imprensa, neste sábado, que o governo implementaria várias medidas para tentar conter o surto, incluindo a proibição de todas as reuniões de massa por 30 dias e a restrição de viagens para três países.

Celebrações da independência canceladas

"O governo da Namíbia está a suspender as viagens de entrada e saída de e para Qatar, Etiópia e Alemanha, com efeito imediato, por um período de 30 dias", disse Geingob.

As celebrações da independência agendadas para 21 de março foram canceladas, acrescentou ele, embora a sua cerimónia de tomada de posse para o segundo e último mandato vá adiante.

O ministro da Saúde Shangula havia dito anteriormente que as comemorações da Independência iriam adiante como planificado.

"Medidas de precaução apropriadas devem ser tomadas para proteger os namibianos de serem afetados pelo vírus", disse Geingob.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG