Links de Acesso

MPLA mantém tabu sobre cabeça-de-lista para 2017


José Eduardo dos Santos

José Eduardo dos Santos não foi ao aniversário do partido nem João Lourenço foi confirmado oficialmente.

Não foi desta que José Eduardo dos Santos e o MPLA indicaram publicamente o ministro da Defesa e vice-presidente do partido no poder, João Lourenço, como candidato a Presidente da República nas eleições de 2017 em Angola.

MPLA mantém tabu sobre cabeça-de-lista para 2017
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:08 0:00

Apesar de informações citando fontes do Comité Central do partido que se reuniu na semana passada avançarem o nome de Lourenço, nas comemorações dos 60 anos da fundação do MPLA realizadas neste sábado, 10, não só José Eduardo dos Santos não esteve presente, como o próprio João Lourenço não se pronunciou sobre o assunto.

O acto que marcou os 60 anos da fundação do MPLA teve como orador o vice-presidente do partido, em virtude de José Eduardo dos Santos não ter estado presente.

João Lourenço, vice-presidente do MPLA e ministro da Defesa de Angola
João Lourenço, vice-presidente do MPLA e ministro da Defesa de Angola

O evento, que decorreu no Estádio 11 de Novembro e teve muita música, foi presidido por João Manuel Gonçalves Lourenço, que, em relação às eleições de 2017, apenas disse que o MPLA precisa de trabalhar muito para ganhá-las.

“Temos a pomba na mão, é so não abrir a mão para ela não fugir, é uma questão de preservá-la e o meu apelo é que trabalhemos para mantermos o poder”, desafiou Lourenço que, em relação à crise económica e financeira disse ser "conjuntural" e passageira.

Analistas já tinham advertido, no entanto, para a imprevisibilidade do Presidente José Eduardo dos Santos e que o MPLA poderia manter o tabu em torno do seu cabeça-de-lista para as eleições gerais de 2017.

A sua Opinião

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG