Links de Acesso

Morreu "pai grande" do Namibe deixando mais de 500 membros da família


Francisco Tchikuteny

Morreu na província angolana do Namibe, Francisco Chikuteni, conhecido como “pai grande”.

Ele deixou de mais de 200 filhos, dos quais 165 vivos, 250 netos e 67 bis-netos.

Lumbaneny Pedro Sabalo, um dos filhos, disse à VOA que o pai adoeceu há cerca de um ano e seis meses.

Morreu o "pai grande" de Angola
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:34 0:00

“Queixava-se do aparelho urinário e foi a muitos médicos, em Luanda e Huíla. Quando o meu pai viu que os médicos fizeram a sua parte, mas o corpo continuava debilitado pediu aos médicos para vir para casa e caso Deus o chamasse pelo menos morreria ao lado dos filhos e das respectivas mãe”, contou Sabalo.

Francisco Tchikuteny e parte da sua numerosa família
Francisco Tchikuteny e parte da sua numerosa família

Francisco Tchikuteny, de 67 anos de idade, era respeitado e conhecido nas lides das comunidades Mucubais como “pai grande”, disse numa entrevista à VOA em Janeiro de 2015, que tinha uma ambição na vida: “ver os filhos formados nos vários segmentos da ciência e tecnologia”.

Frente ao estado de emergência em vigor em Angola, questiona-se como será o funeral de "pai grande", considerando o tamanho da família.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG