Links de Acesso

Michel Temer oferece levar ao Brasil crianças separadas dos pais nos Estados Unidos


Michel Temer (esq) e Mike Pence (dir) em Brasília

Vice-presidente americano pede que Brasil e nações livres apertem o cerco a Venezuela

O Presidente brasileiro, Michel Temer, manifestou ao vice-presidente americano, Mike Pence, a disponibilidade do seu Governo em garantir o transporte para levar de regresso as crianças brasileiras que foram separadas dos pais ao tentarem entrar de forma ilegal nos Estados Unidos.

Temer abordou o assunto numa reunião com o vice-presidente americano, Milke Pence, realizada nesta terça-feira, 26, em Brasília,

"Levantei com o vice-presidente Pence a questão dos menores brasileiros que se encontram separados de seus pais nos Estados Unidos. Disse que se trata de questão extremamente sensível para sociedade e Governo brasileiros. Pedi sua especial atenção para assegurar a rápida reunião das famílias", disse Temer aos jornalistas.

Na semana passada, o Governo americano divulgou que havia, pelo menos, 49 crianças brasileiras em abrigos nos Estados Unidos.

Cerco a Venezuela

Por seu lado, o vice-presidente americano pediu ao Governo brasileiro e "às nações livres" que ajam "com mais firmeza" e adoptem medidas para "isolar" o regime de Nicolás Maduro na Venezuela.

"Chegou a hora de agir com mais firmeza. Hoje, os Estados Unidos pedem ao Brasil e às nações livres que amam a liberdade na região a adoptar mais atitudes para isolar o regime de Maduro", defendeu Pence.

O vice-presidente americano citou a crise humanitária que atinge a Venezuela e disse que o país representa uma ameaça à "segurança colectiva" na região.

Céus abertos

Também hoje, Michel Temer assinou um decreto no qual promulgou o acordo que põe fim ao limite de voos entre Brasil e Estados Unidos, o chamado "acordo de céus abertos".

O compromisso foi firmado entre os dois países em 2011, mas, para entrar em vigor, dependia do aval do Congresso Nacional, o que só aconteceu neste ano.

De acordo com a Presidência brasileira, o decreto será publicado na edição de quarta-feira, 27, no "Diário Oficial da União".

Temer anunciou a assinatura do decreto durante a declaração conjunta ao lado do vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG