Links de Acesso

Michel Temer investigado pelo Supremo Tribunal Federal

  • Redacção VOA

Michel Temer refuta acusações

Presidente acusado de dar aval para comprar silêncio do antigo presidente da Câmara Eduardo Cunha

O juiz do Supremo Tribunal Federal (STF) do Brasil Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato, autorizou a abertura de um inquérito para investigar o Presidente Michel Temer a pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR)

Com a decisão de Fachin, Temer passa formalmente à condição de investigado na Operação Lava Jato.

O pedido de abertura de inquérito foi feito após um dos donos do grupo JBS, Joesley Batista, dizer em delação à PGR que, em Março deste ano, gravou o Presidente a dar aval para comprar o silêncio do deputado cassado e ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

O acordo com a justiça de Joesley e de seu irmão, Wesley Batista, donos do grupo de produção de carne JBS, foi homologada também hoje pelo STF.

Pela Constituição, o presidente da República só pode ser investigado por actos cometidos durante o exercício do mandato e com autorização do STF.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG