Links de Acesso

Mais um jornalista agredido em Maputo


Hélder Mathwassa, da televisão STV, foi agredido por gestores do complexo Super Marés, quando cobria o encerramento do mesmo pelas autoridades

O repórter de imagem da televisão moçambicana STV, Hélder Mathwassa, foi agredido nesta quinta-feira, 19, por dois gestores do complexo Super Marés, na cidade de Maputo, quando este cobria o trabalho da equipa de inspecção da Agência Nacional de Controlo de Qualidade Ambiental.

Os inspectores foram ao local com ordem para encerrar a parte comercial daquele complexo por irregularidades relacionadas a com falta de licença ambiental.

O jornal O País reporta que os dois gestores de nacionalidade portuguesa desferiram golpes contra o repórter, ao ponto de o derrubarem, bem como a câmara que usava.

Jornalistas moçambicanos agastados com agressão a colega
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:21 0:00

A mesma fonte revela que um dos agressores é Valdemir de Sousa.

As imagens da violência foram registadas por outros jornalistas da TVM, TIM, Televisão Miramar e pelo fotógrafo do jornal Notícias.

Neste momento, Hélder Mathwassa passa bem.

Raptores fraturaram as pernas e braço do jornalista moçambicano Ericino de Salema

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG