Links de Acesso

Lourenço esperançado com solução para a RDC


João Lourenço anfitrião

Conflitos na RDC e no Lesoto estiveram na agenda

O Presidente angolano, João Lourenço, disse hoje haver sinais que apontam para o desfecho satisfatório da crise na República Democrática do Congo (RDC).

No discurso que pronunciou na abertura da Cimeira da Troika de concertação, defesa e segurança da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC), o estadista angolano disse haver "mais motivos para acreditar" que a situação na RDC caminha para um desfecho satisfatório no que tange à marcação das eleições presidenciais para Dezembro.

João Lourenço disse que em função desta atmosfera é necessário "apelar os intervenientes directos no processo de regularização do conflito na RDC que façam prova de sabedoria, patriotismo e de máxima contenção nos momentos críticos".

Contudo, o Chefe de Estado manifestou-se preocupado com a situação de conflito reinante naquele país que tem ceifado vidas inocentes.

Entretanto, o analista Francisco Tunga Alberto considera que não há solução duradoura para as crises na RDC e no Lesoto sem a participação de outras sensibilidades daqueles países, tal como ficou expresso no discurso de João Lourenço.

A cimeira de chefes de Estado e de Governo juntou nesta terça-feira, 24, em Luanda os presidentes de Angola, África do Sul, Namíbia, RDC, e ainda o vice-primeiro ministro da Tanzânia e o primeiro-ministro do Lesoto.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG