Links de Acesso

Jovens guineenses projectam manifestações contra a situação política


Seco Duarte Nhaga, presidente da Rede Naciional das Associações Juvenis da Guiné-Bissau

Falta de políticas priva os jovens de sonhos e realizações, diz líder da Renaj, Seco Nhaga

A Rede Nacional das Associações Juvenis da Guiné-Bissau (Renaj) lançou, no fim-de-semana, a iniciativa “I Djusta” (Basta), que será sustentada por manifestações de rua dentro e fora do país.

Jovens guineenses projectam manifestações contra a situação política
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:37 0:00

Seco Duarte Nhaga, presidente da Renaj, diz que a iniciativa é justificada pelo facto de Guiné-Bissau ser “um país desgovernado, sequestrado por uma classe política despreparada, mergulhado numa corrupção patológica (…) entre outras condutas que têm minado o sonho do martirizado povo, particularmente os jovens”.

Os argumentos, diz Nhaga, incluem “a falta de políticas públicas concretas capazes de dar respostas aos problemas que afectam os sectores da educação e saúde, assim como as violações das leis”.

“Jovens nô Toma Terra”, o mesmo dizer em português “Jovens Tomemos a Terra” é o tema escolhido para iniciar uma acção contra a actual situação política e governativa do país.

Nhaga diz que “nos próximos dias, numa acção simultânea e continua sairmos às ruas na Guiné-Bissau (…) de Boé a Caravela, de São Domingos a Como Caiar, e em todos os cantos do mundo, em que vive algum jovem guineense (…) para manifestar a indignação dos jovens sobre o caos que temos vivido e que nos priva de sonhos e realizações.

Eleições Guiné-Bissau, educação questão prioritária para jovens
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:10 0:00

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG