Links de Acesso

José Filomeno dos Santos começa a ser julgado a 9 de Dezembro


"Zenú (esq) e Valter Filipe (dir) envolvidos no caso dos 500 milhões

O julgamento do antigo presidente do Fundo Soberano de Angola, José Filomeno dos Santos, e do antigo governador do Banco Nacional de Angola (BNA), Valter Filipe Duarte da Silva, arranca a 9 de Dezembro, na Câmara Criminal do Tribunal Supremo (TS), revelou a agência de notícias Angop.

"Zenú", como é conhecido o filho do antigo Presidente José Eduardo dos Santos, será julgado pelos crimes de branqueamento de capitais e peculato.

Além dele e Duarte da Silva, serão também julgados, Jorge Gaudens Pontes Sebastião e António Samalia Bule Manuel.

Em julgamento está a transferência de 500 milhões de dólares americanos do BNA para uma conta no Crédit Suisse de Londres, Inglaterra.

O Ministério Público considerou que a transferência foi ilegal e uma espécie de pagamento avançado a uma empresa criada pelos arguidos, visando montar uma operação de financiamento para Angola, no valor de 30 mil milhões de dólares.

A ideia era constituir um suposto Fundo de Investimento Estratégico e na utilização da empresa Mais Financial Services, S.A. como instrumento de actuação.

O julgamento esteve inicialmente marcado para 25 de Setembro, mas foi adiado a pedido do advogado do réu Valter Filipe Duarte da Silva por, na altura, estar a participar num julgamento no Supremo Tribunal Militar.

Recorde-se que “Zenú” esteve em prisão preventiva durante seis meses num caso em que esteve envolvido também Jean-Claude Bastos de Morais, director-geral da Quantum Global, que geria uma importante carteria de investimentos do Fundo Soberano de Angola.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG