Links de Acesso

Jornalista moçambicano detido numa base militar em Mueda


Cabo Delgado

Abubakar trabalha para uma rádio comunitária do Instituto de Comunicação Social (ICS), detida pelo Estado, e é correspondente da agência Zitamar.

O jornalista moçambicano Amade Abubakar está detido numa base militar em Mueda, Cabo Delgado, reporta a Agência de Informação de Moçambique (AIM).

Abubakar foi alegadamente detido de forma ilegal, no sábado, em Macomia, acusado de fotografar indivíduos que fugiam de acções dos chamados terroristas que têm atacado Cabo Delgado desde 2017.

Abubakar trabalha para uma rádio comunitária do Instituto de Comunicação Social (ICS), detida pelo Estado, e é correspondente da agência Zitamar.

Um responsável da entidade empregadora de Abubakar disse não ter detalhes sobre a sua detenção, mesmo tendo contactado as autoridades.

Sete mortos num ataque

Um dia depois da detenção de Abubakar, uma viatura foi atacada por um grupo armado, tendo resultado na morte brutal de sete pessoas, a maioria mulheres.

Após disparos que forçaram a viatura a parar, testemunhas disseram à imprensa que os atacantes decapitaram o motorista e usaram catanas para matar as outras pessoas.

O ataque foi atribuido ao grupo que tem feito ataques naquela província.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG