Links de Acesso

Inaugurado edifício da embaixada dos EUA em Maputo que acolhe todas as agências


Inauguração do novo edifício da embaixada dos EUA em Moçambique, 30 de Setembro de 2021

Embaixador americano Dennis Walter Hearne diz quo o edifício "é um claro exemplo da forte e crescente relação" entre oWashington e Maputo

O novo edifício da embaixada dos Estados Unidos da América em Maputo, capital moçambicana, foi inaugurado nesta quinta-feira, 30, e vai acolher todas as agências do Governo americano.

A construção do imponente edifício injectou mais de 22 milhões de dólares à economia local, através de mais de mil empregos, e os responsáveis dos dois países dizem esperar que contribua para incrementar as relações bilaterais entre os EUA e Moçambique, que duram há mais de quatro décadas.

Inaugurado edifício da embaixada dos EUA em Maputo que acolhe todas as agências
please wait

No media source currently available

0:00 0:03:50 0:00

As novas instalações fornecem uma plataforma segura, moderna, sustentável e inovadora para a diplomacia norte-americana em Moçambique e aloja todas agências do Governo dos EUA, com a excepção do Corpo da Paz.

A nova embaixada construída durante cinco anos foi erguida num espaço de 10 hectares e, segundo a directora-geral do Departamento de Estado dos EUA para Engenharia, Instalações e Gestão de Segurança no Gabinete de Operações de Edifícios no Estrangeiro, Tracy Thomas, o edifício apresenta as mais recentes características em eficiência energética.

Inaugurada nova Embaixada dos Estados Unidos em Maputo
please wait

No media source currently available

0:00 0:05:13 0:00

Para o embaixador dos EUA em Maputo, Dennis Walter Hearne, este novo edifício de última geração "é um claro exemplo da forte e crescente relação entre os Estados Unidos da América e a República de Moçambique," e reiterou o compromisso norte-americano "na busca da paz e combate ao extremismo violento em Cabo Delgado".

Para além de mais de 500 milhões de dólares em programas de assistência anual, o Governo dos EUA é o maior doador de vacinas de dose única da Johnson & Johnson e investiu mais de 62 milhões de dólares em apoio à resposta de Moçambique à pandemia da Covid-19.

O ministro moçambicano da Indústria e Comércio, Ernesto Max Tonela, que representou o Governo moçambicano, referiu que o acto constitui um "marco importante das relações bilaterais entre os dois países que duram desde 1975".

O edifício possui abas de cimento inspiradas pelas estátuas Makonde que representam Moçambique e ostenta obras de arte americanas e moçambicanas de Gonçalo Mabunda e Alice Hope, respectivamente, mostrando quanto as culturas dos países têm em comum, para além de realçar o paisagismo sustentável que representa três principais biomas de Moçambique, dunas, savana e floresta.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG