Links de Acesso

Homicídio, furto e estupro levam centenas de moçambicanos à prisão na África do Sul


Imagem de arquivo

Outros tantos moçambicanos aguardam o julgamento em 243 prisões sul-africanas.

Mais de 300 moçambicanos estão nas cadeias sul-africanas, por crimes que incluem homicídio, furto e estupro.

Outros tantos moçambicanos aguardam o julgamento em 243 prisões sul-africanas.

Homicídio, furto e estupro levam centenas de moçambicanos à prisão na África do Sul
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:08 0:00

Segundo o Ministério sul-africano dos Serviços Correcionais, no dia 4 de Julho de 2017 havia 213 moçambicanos nas cadeias por causa de violação sexual de mulheres.

Porem, desde Julho para cá o número aumentou, porque quase todos os dias moçambicanos são detidos, julgados e condenados por prática de diversos crimes.

O consulado de Moçambique em Nelspruit, que cobre as províncias do Limpopo e de Mpumalanga, está a investigar informações da existência de 70 moçambicanos condenados à prisão perpétua por homicídio e estupro.

A Embaixada em Pretoria pediu dados actualizados da situação prisional dos moçambicanos às autoridades sul-africanas, mas ainda não teve resposta.

E o Embaixador Paulino Macaringue considera haver certo descontrolo que precisa de solução para a protecção dos imigrantes.

Há mais de 300 moçambicanos em cadeias sul-africanas
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:04 0:00

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG