Links de Acesso

Guiné-Bissau sem transportes públicos


Cidade de Bissau.

Greve cria um cenário de terminais encerrados, estradas quase desertas, sem táxi e transportes coletivos, os chamados “toca-tocas”.

O serviço de transporte público está paralisado desde as primeiras horas de hoje, devido à greve decretada pela Confederação Nacional das Associações de Motoristas da Guiné-Bissau.

O cenário é de terminais encerrados, estradas quase desertas, sem táxi e transportes coletivos, os chamados “toca-tocas”.

Entre as exigências dos motoristas profissionais, constam a melhoria das principais estradas, em Bissau, e no Interior do país; redução dos postos de controlo dos agentes da polícia de trânsito e da guarda nacional, que são acusados de obstrução.

Os utentes estão transtornados e especialistas estão preocupados com o impacto da greve na economia.

Acompanhe a reportagem:

Guiné-Bissau sem transportes públicos
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:23 0:00

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG