Links de Acesso

Guerrilheiros da Renamo pedem demissão de Ossufo Momade


Fiéis a Afonso Dhlakama dão ultimato ao seu sucessor

Os guerrilheiros da Renamo, fiéis ao ex-líder Afonso Dhlakama, exigiram nesta quarta-feira, 12, a demissão do presidente do partido, Ossufo Momade, supostamente por estar a perseguir e a executar oficiais do Estado Maior General do principal partido da oposição em Moçambique.

Guerrilheiros da Renamo pedem demissão de Ossufo Momade
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:45 0:00

No seu ultimato, apresentado em conferência de imprensa na Gorongosa, Sofala, centro de Moçambique, o líder do grupo, general Mariano Chissungo", exige que Ossufo Momad, eleito num Congresso do partido em Janeiro, renuncie o cargo até 10 de Julho, e seja indicado um novo candidato do partido as eleições de 15 de Outubro.

Em comunicado, a Renamo prometeu pronunciar-se amanhã 13.

Desde o início da semana, informações não confirmadas oficialmente têm denunciado execuções de guerrilheiros da Renamo, no que, em determinados círculos, está a ser considerado como um acerto de contas entre as alas do partido.

Fórum Facebook

Poderá gostar também

XS
SM
MD
LG