Links de Acesso

Governo moçambicano participa como observador em reunião da coligação contra o Estado Islâmico


Chefes da diplomacia da coligação contra o Estado Islâmico, em Roma, Itália, 28 de Junho de 2021

Secretário de Estado americano pede foco no combate aos terroristas e seu homólogo italiano defende criação de um grupo sobre África

O Governo de Moçambique participa, em Roma, nesta segunda-feira, 28, como observador, numa conferência de ministros dos Negócios Estrangeiros da coligação que luta contra o Estado Islâmico.

Na abertura do encontro, o secretário de Estado americano congratulou-se com o combate contra o Estado Islâmico, mas avisou que ainda há cerca de 10 mil combatentes do grupo terrorismo no Iraque e na Síria.

“Fizemos grandes progressos porque trabalhamos juntos, então esperamos que todos fiquemos empenhados nesta luta contra esta organização terrorista até que ela seja definitivamente derrotada”, afirmou Antony Blinken.

Na sua intervenção, o chefe da diplomacia americana insistiu na necessidade de se lutar contra as células residuais do Estados Islâmico que permanecem na Síria, em torno de10 mil e no Iraque, “para travar a sua crescente ameaça em África”.

Aliás, o chefe da diplomacia itaniana Luigi Di Maio, propôs a criação de um grupo de trabalho para concertar esforços em África.

O Governo de Moçambique, que enfrenta uma forte insurgência desde Outubro de 2017, está presente na conferência como observador, bem como o Gana e o Burkina Faso.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG