Links de Acesso

Governo brasileiro fecha embaixadas na Serra Leoa e Libéria


Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro

O Presidente Jair Bolsonaro publicou nesta quinta-feira, 13, no Diário Oficial da União, um decreto que encerra as embaixadas na Serra Leoa e na Libéria, enquanto os serviços passam a ser prestados pela representação diplomática em Acra, Gana.

O decreto foi assinado pelo próprio Bolsonaro e pelo ministro das relações Exteriores, Ernesto Araújo.

Desde 2019, Araújo e documentos do Itamaraty já apontavam para o encerramento das embaixadas.

Todas elas foram abertas durante os governos Lula e Dilma.

A publicação no entanto não divulgou informações sobre o o destino dos funcionários, dizendo apenas que o Ministério das Relações Exteriores "adotará as medidas administrativas necessárias ao cumprimento do disposto neste decreto".

O Presidente brasileiro tem sido criticado por observadores dentro e fora do país por não considerar a África uma prioridade do seu Governo, preferindo as relações com os Estados Unidos e a Europa.

Desde a posse do Executivo, em Janeiro de 2019, Jair Bolsonaro não fez qualquer visita ao continente, nem recebeu estadistas africanos, além do Presidente sul-africano que esteve em Brasília no âmbito dos "Brics", países emergentes.

O chefe da diplomacia Ernesto Araújo esteve apenas em Cabo Verde, Angola, Senegal e Nigéria.

  • 16x9 Image

    Edgar Maciel

    Edgar Maciel é jornalista multimédia desde 2011, formado pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, no Brasil. Nos últimos anos, acumulou experiências em importantes rádios, canais de TV e portais de Internet brasileiros.

    Baseado em São Paulo, actualmente é coordenador multimédia da revista Veja e correspondente da Voz da América. Como principais temas, cobre política, sociedade e cultura brasileira.

     

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG