Links de Acesso

Futebol: Nasce uma super estrela com sabor da Guiné Bissau


Dayot Upamecano,

No futebol europeu nasce uma nova estrela que tem as suas raízes na Guiné Bissau. Chama-se Dayotchanculle Upamecano, mas todos o conhecem por Dayot na equipa alemã do Leipzig onde joga na posição de defesa central.

“Sensacional”, “Fenómeno”, “o melhor”, foram alguns dos adjectivos usados por comentadores desportivos para descrever a actuação de Dayot na vitória da sua equipa sobre o Atlético de Madrid nos quartos de final da Liga dos campeões da Europa por 2-1.

Com apenas 21 anos de idade Dayot maravilhou os analistas pelo modo como anulou totalmente o forte e fisicamente duro avançado do Atletico, Diego Costa, e como foi o baluarte da defesa do Leipzig.

Estatísticas do jogo indicam que Dayot ganhou 100% dos enfrentamentos com adversários (tackling), 100% dos dribles de adversários, teve sucesso em 92% dos passes que efectuou e ganhou três dos quatros enfrentamentos aéreos com adversários.

Rob Hoskin da publicação “Giveme Sport” disse que só uma pessoa mereceu os louros dessa vitória do Leipzig, e essa pessoa foi Upamecano.

“O defesa central de 21 anos de idade foi sensacional durante todo o jogo, mostrando porque é considerado uma das melhores perspectivas no futebol europeu”, disse o comentarista.

“Intimidou Diego Costa e meteu-o no bolso durante todo o jogo”, acrescentou.

O seu colega de equipa Emil Fosberg disse que “ninguém consegue passar Dayot”.

A publicação The Athletic descreveu a actuação de Dayot como “fora deste mundo” numa exibição sem qualquer falha.

Na publicação Goal.com o antigo defesa central de Inglaterra, Ferdinand, descreveu a exibição de Dayot de “formidável” enquanto na ESPN o antigo jogador do Liverpool Steve Nicol disse que Dayot “não vai ficar muito tempo no Leipzig”.

Nicol fez notar o fato do defesa central avançar muitas vezes como um médio distribuidor de jogo com excelente visão de jogo e passes quase que infalíveis e com 21 anos de idade “faz pensar no que será aos 24".

Jornais ingleses aventam já a hipótese de diversos clubes ingleses o comprarem, nomeadamente o Chelsea, Arsenal, Liverpool, Manchester United e Manchester City e há noticias que Real Madrid, Barcelona e Bayern estão também interessados.

Dayot Upamecano nasceu em Évreux na França filho de pais da Guiné Bissau da ilha de Jeta que ele aparentemente visita regularmente.

Como jovem jogou na equipa do Évreux e no Valencienns mas a sua carreira ao nível profissional mais alto foi iniciada em 2015 na equipa do Liefering na Áustria por uma época de onde foi transferido para Red Bull Salzburg em 2016 e onde jogou uma época antes de ser comprado pelo Leipzig em 2017 por 10 milhões de Euros. Especialistas no mercado de transferências de jogadores dizem que hoje o seu valor é no mínimo de 42 milhões de euros.

Já jogou pelas selecções da Franca de sub 16, 17, 18, 19 e 21 mas nunca pela selecção senior pelo que em teoria poderia jogar pela Guiné-Bissau.

O seu próximo jogo na liga dos campeões é já na terça-feira contra o Paris St Germain um teste que o vai colocar frente a Neymar e outras estrelas da equipa francesa.

Outro jogador com raízes na Guiné Bissau esteve também presente nesta fase final da Liga dos campeões a decorrer em Lisboa.

Ansu Fati, jogador do Barcelona FC
Ansu Fati, jogador do Barcelona FC

Trata-se de Ansu Fati do Barcelona, tido também como uma possível futura estrela que joga no ataque do lado esquerdo.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG