Links de Acesso

Funcionários detidos por corrupção em Moçambique


Inhambane, Moçambique

Três técnicos da Autoridade Tributária são acusados de desviarem 200 mil dólares

O Gabinete Central de Combate à Corrupção (GCCC) de Moçambique revelou nesta terça-feira, 20, ter detido no fim de semana três funcionários da Autoridade Tributária (AT) na província de Inhambane, por desvio de 12 milhões de meticais, cerca de 200 mil dólares.

Citado pelo jornal público Notícias, Sinai Lonzo, magistrado do GCCC em Inhambane, adiantou que um quarto funcionário da AT encontra-se a monte, depois de também ter sido indiciado no desvio.

Um contabilista sem ligação ao Estado, que participou no roubo do dinheiro, também encontra-se detido.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG