Links de Acesso

Funcionário de companhia aérea rouba avião e acaba por despenhar em Seattle, EUA


Polícia depois da queda do avião em Seatlle

Autoridades federais dos Estados Unidos investigam o motivo que levou um funcionário de uma companhia aérea a roubar um avião vazio do aeroporto de Seattle e a despenhar numa ilha.

Durante o voo, o indivíduo de 29 anos foi seguido por dois aviões de combate da Força Aérea, que tentavam controlar o incidente, que aconteceu por volta das 20 horas locais, no aeroporto internacional de Seattle-Tacoma.

O funcionário da Horizon Air assumiu o controle de um turboélice Bombardier Q400, com capacidade para 76 passageiros numa área de manutenção, decolou e iniciou um voo sobre Seattle antes de cair após cerca de uma hora na ilha de Ketron, em Puget Sound, afirmou a companhia irmã da Horizon, a Alaska Airline.

Chamas ao fundo após o avião roubado ter caído numa ilha de Seattle, EUA
Chamas ao fundo após o avião roubado ter caído numa ilha de Seattle, EUA

O homem de 29 anos, que ainda não foi identificado, teve uma atitude considerada suicida e aparentemente agiu sozinho, afirmou a polícia do Condado de Pierce no Twitter.

Não está claro como o funcionário conseguiu tirar o avião na pista e decolar sem autorização. Um porta-voz da Alaska Air disse que não tinha informações sobre como o incidente aconteceu.

Imagens nas redes sociais mostravam uma aeronave grande a voar sobre Seattle com um caça F-15 acompanhando de perto. Dois F-15 acompanharam o avião de perto, mas não se envolveram no acidente, disse a polícia local.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG