Links de Acesso

Explosão em Mogadíscio faz nove mortos e dezenas de feridos


Uma ambulância junto à base militar onde explodiu uma bomba. Mogadíscio, Somália, 8 agosto, 2020.

Pelo menos nove pessoas morreram e quase 20 ficaram feridas no sábado numa explosão de carro-bomba no portão da frente de uma base militar somali em Mogadíscio, disseram testemunhas e funcionários de segurança.

Oficiais de segurança do governo contactados pela VOA confirmaram que oito dos mortos eram soldados do governo e outras vítimas incluíam membros das famílias dos soldados, que estavam na base no momento.

"Um homem-bomba dirigindo um veículo carregado de explosivos acelerou em direção ao portão da frente do campo, mas os guardas abriram fogo para detê-lo antes que ele detonasse", disse à VOA Aden Mohamed, um agente entre os primeiros a responder.

A explosão foi ouvida em toda a área e lançou uma nuvem de fumaça negra no ar.

"Eu vi os cadáveres de pelo menos oito soldados e ambulâncias correram para o local para levar os feridos", disse uma testemunha à VOA sob condição de anonimato.

Fontes hospitalares confirmaram que cerca de 20 pessoas, principalmente soldados, ficaram feridos na explosão.

"Levámos pelo menos 15 feridos [para hospitais], alguns deles em estado crítico", disseram os médicos de emergência da cidade à media local.

O acampamento militar está localizado próximo ao principal estádio desportivo da cidade, recentemente reaberto, no distrito de Warta-nabadda.

A explosão aconteceu dias depois de um atentado suicida, que matou pelo menos quatro pessoas, incluindo o homem-bomba num restaurante de Mogadíscio que é popular entre as forças de segurança e funcionários do governo.

Militantes do Al-Shabab assumiram a responsabilidade pela explosão de sábado, alegando que mataram dezenas de soldados do governo.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG