Links de Acesso

EUA suspendem operações da embaixada em Minsk e ordenam saída de funcionários não essenciais de Moscovo


Embaixada dos Estados Unidos em Moscovo

O Departamento de Estado americano anunciou nesta segunda-feira, 28, ter suspenso as operações da embaixada em Minsk, na Bielorrússia, e autorizado a saída voluntária de funcionários não emergenciais e familiares da missão diplomática em Moscovo, na Rússia.

Em comunicado, o secretário de Estado Antony Blinken disse que o Departamento de Estado tomou as medidas por razões de segurança decorrentes do “ataque não provocado e injustificado das forças militares russas na Ucrânia”.

Ele acrescentou que o Departamento ajusta continuamente a sua postura nas embaixadas e consulados em todo o mundo com base no ambiente de segurança local e na situação da saúde.

“Em última análise, não temos prioridade maior do que a segurança dos cidadãos dos EUA, e isso inclui nosso pessoal e seus dependentes que serve em todo o mundo”, sublinhou Blinken.

No início de Fevereiro, a embaixada dos EUA na capital da Ucrânia, Kyiv, transferiu as operações para a cidade ocidental de Lyiv em meio às tensões com a Rússia.

Ex-estudante cabo-verdiano na Ucrânia reage à invasão da Rússia
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:54 0:00

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG