Links de Acesso

EUA: Distúrbios em Atlanta após polícia matar africano-americano


Manifestantes incendiaram um restaurante na cidade americana de Atlanta depois de um agente da polícia ter morto a tiro um negro quando o tentavam prender.

A vítima foi identificada como sendo Rayshard Brooks de 27 anos. O agente que alegadamente disparou os tiros – Garret Rolfe - foi demitido, um outro agente que se encontrava no local – Devin Brosnan – foi colocado em “funções adminsitrativas” e a comandante da polícia Erika Shilds demitiu-se do cargo.

O incidente começou quando a polícia foi chamada ao local porque um homem tinha adormecido ao volante do seu carro impedindo a circulação de outros veículos no local de colecta de encomendas.

Os agentes fizeram um teste de consumo de alcool a Brooks que registou estado de embriaguês e quando o tentaram prender Brooks terá atacado os polícias e tentado fugir.

A vitima apoderou-se de um “taser” de um dos agentes e video do sistema de segurança do restaurante mostra Brooks a tentar usar esta arma contra os agentes . Um deles depois dispara matando Brooks.

“Taser” é uma arma usada pela policia que produz um choque eléctrico imobilizando o alvo.

A polícia disse que 36 pessoas foram presas na sequência do protesto

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG