Links de Acesso

Estados Unidos vão reforçar presença naval no Atlântico


Navio de misseis teleguiados no Oceano Atlantico

Face a crescente presença russa, Washington decide reactivar força naval para o Atlântico Norte

A Marinha de Guerra dos Estados Unidos decidiu reforçar a sua presença no oceano Atlântico reactivando um comando naval que havia sido cancelado há sete anos atras.

O Pentágono anunciou ontem que foi decidido reactivar a Segunda Frota da Marinha de guerra devido ao que um porta voz chamou de “dinâmica de um novo ambiente de segurança”.

Numa referência à Rússia o chefe das operações da marinha de guerra americana, o Almirante John Richardson disse ter “emergido uma competição de grandes potências” no Atlântico Norte.

Desde que a Segunda Frota dos Estados Unidos foi dissolvida em 2011 registou-se um aumento de actividade naval russa no Atlântico Norte e no Ártico.

O Pentágono anunciou também ter proposto que um comando de Forças Conjuntas da NATO seja sediado na cidade americana de Norfolk no estado da Virgínia.

Um novo comando de logística vai ser instalado na Alemanha

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG