Links de Acesso

Estados Unidos renovam sanções contra Governo do Zimbabwe


Emmerson Mnangagwa e Robert Mugabe entre os abrangidos pela medida

O Presidente americano, Donald Trump, renovou na segunda-feira, 4, por mais um ano as sanções contra o Zimbabwe, por considerar que as políticas do novo Governo continuam a representar uma ameaça "incomum e extraordinária" à política externa de Washington.

Fontes do Governo indicaram que as sanções manter-se-ão até que o Governo do Presidente Emmerson Mnangagwa altere as leis que restringem a liberdade de imprensa e o direito a manifestações.

No total, as sanções afectam 141 instituições e pessoas, entre elas o Presidente Emmerson Mnangagwa e o antigo chefe de Estado Robert Mugabe.

A renovação das sanções surge apesar dos apelos de líderes africanos, incluindo do Presidente da África do Sul, Cyril Ramaphosa, para que elas fossem levantadas para dar ao país uma oportunidade de sair da profunda crise económica em que se encontra.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG