Links de Acesso

Estados Unidos impõem mais sanções contra o Irão


Mike Pompeo e Steven Mnuchin fizeram o anúncio

A admistração Trump anunciou novas sanções contra o Irão, tal como prometeu no discurso feito na quarta-feira, 8, após os ataques de Teerão contra bases americanas no Iraque.

O secretário do Tesouro, Steve Mnuchin, disse nesta sexta-feira, 10, na Casa Branca que as novas sanções foram projectadas para "interromper as actividades terroristas globais do regime iraniano".

Elas afectam indústrias como construção, têxtil, mineração, aço e ferro.

Outras sanções têm como alvo oito autoridades iranianas que, segundo Washington, estavam envolvidas nos ataques no Iraque.

O secretário de Estado, Mike Pompeo, presente na conferência de imprensa, afirmou que não há dúvida de que o Irão tinha intenção de"matar americanos com os ataques por mísseis".

Pompeo reiterou que o alvo das sanções é o "aparato de segurança interna" do Irão e, por outro lado, disse acreditar que o Boeing 737 da Ucrânia que caiu em Teerã foi atingido por um míssil iraniano.

Sanções a Cuba

Novas sanções também foram impostas a Cuba: foram proibidos voos fretados entre os Estados Unidos e a ilha, visando cortar a receita do regime cubano, que dá apoio à Venezuela.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG