Links de Acesso

Enviado da ONU avista-se com derrubado primeiro-ministro do Sudão


Manifestnates em Khartum

Diplomata promete continuar esforços de mediação com “todas as partes envolvidas”

O representante especial das Nações Unidas para o Sudão Volcker Perthes reuniu-se hoje em Khartum com o primeiro-ministro derrubado no recente golpe de estado, um dia depois de confrontos entre manifestantes e forças policiais e militares terem causado mortos e dezenas de feridos.

O enviado da ONU disse ter discutido opções para a mediação e o caminho a seguir pelo Sudão.

“Vou continuar esses eforços com outras partes envolvidas”, disse Perthes que acrescentou que o derrubado primeiro-ministro Abdallah Hamdock se encontra em sua casa e está bem mas sob prisão domiciliária.

A agência Reuters disse que Hamdock exigiu a libertação de todas as pessoas presas na sequência do golpe de estado e o regresso ao acordo de partilha de poder com os militares que existia antes do golpe.

A situação estava hoje calma em Khartum um dia depois de pelo menos três pessoas terem sido mortas e outras 100 feridas em protestos contra o golpe de estado militar.

Fontes hospitalares disseram que as vítimas foram mortas a tiro mas polícia negou ter usado armas de fogo.

Hoje dezenas de milhar de pessoas manifestaram-se através do país e na capital o comércio permanecia encerrado.

Na capital soldados do exército e das temidas Forças de Apoio Rápido estavam nas ruas revistando carros em postos de controlo através da cidade e cortando as pontes que ligam a capital às vizinhas cidades de Omdurman e Khartum Norte

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG