Links de Acesso

Entrega da auditoria às "dívidas ocultas" de Moçambique mais uma vez adiada

  • Redacção VOA

Ematum, uma das empresas envolvidas

Novo prazo é 12 de Maio

A entrega do relatório de auditoria sobre as dívidas ocultas do Estado moçambicano pela consultora Kroll, prevista para sexta-feira, 28, foi adiada para 12 de Maio.

Em comunicado, a Procuradoria-Geral da República (PGR) de Moçambique revela que a empresa Kroll pediu esse adiamento porque "decorrem ainda os trabalhos de reverificação e da competente tradução, para a língua oficial portuguesa, em cumprimento dos termos de referência”.

A PGR escreve que "em face desta circunstância, a Procuradoria-Geral da República aguarda a recepção do relatório, para os procedimentos subsequentes".

Este é o terceiro adiamento da auditoria, cujo último prazo de entrega era amanhã.

A auditoria internacional independente às dívidas escondidas foi uma exigência do Fundo Monetário Internacional para reatar o apoio a Moçambique, depois de o FMI, o Banco Mundial e vários países terem suspenso a sua cooperação financeira com Maputo, na sequência das chamadas “dívidas ocultas” feitas pelo Executivo de Armando Guebuza.

No total, as dívidas ascendem a cerca de dois mil milhões de dólares.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG