Links de Acesso

Embaixador da Índia diz que Moçambique será um dos primeiros a receber vacinas do país


Trabalhador do Instituto da Índia Serum

Ministro moçambicano da Saúde admitiu que vacinação começa no segundo semestres

O embaixador da Índia em Maputo afirmou que Moçambique pode vir a ser um dos primeiros países a receber a vacina contra o novo coronavírus já aprovada naquele país asiático.

Citado pelo jornal estatal Notícias, Rajeev Kumar, admitiu essa possibilidade depois do seu Governo ter mudado a sua estratégia de venda das vacinas.

"Uma vez que nós decidimos distribuir [a vacina] para outros países, Moçambique será um dos primeiros", afirmou Kumar, quem anunciou a aprovação de duas vacinas que poderão ser administradas na Índia já a partir do próximo mês.

A Índia é o maior produtor de vacinas do mundo.

Entretanto, em Maputo, o ministro da Saúde de Moçambique, Armindo Tiago, afirmou na segunda-feira, 4, que o Governo espera receber cerca de seis milhões de doses, que vão abranger 20% da população, através do programa de vacinação Covax, lançada pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

A Covax visa ajudar os países mais pobres em África, América Latina e Ásia.

Tiago também revelou que a vacinação deve começar o segundo semester deste ano.

Moçambique é o país lusófono em África com mais casos acumulados até agora, 19.961 casos, dos quais 176 terminaram em mortes.

COVID-19: Novas variantes do vírus colocam especialistas em alerta
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:20 0:00

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG