Links de Acesso

Eleitores de Nampula questionam promessas de partidos políticos


A campanha para as eleições gerais de 15 de Outubro, em Moçambique, entra no seu terceiro dia, e em Nampula, maior círculo do país, alguns eleitores dizem que os manifestos dos partidos políticos não trazem novidades.

Outros partidos prometem o que não vão cumprir, dizem os eleitores.

Promoção do emprego, melhoria de vias de acesso, abastecimento de água potável, expansão da corrente elétrica, melhoria dos serviços de saúde, educação e combate à corrupção são algumas das promessas dos principais partidos na província de Nampula.

Os eleitores, no entanto, querem saber como os partidos políticos vão concretizar as suas ideias caso forem eleitos.

José Simão, de 24 anos de idade, sonha com um emprego e casa. Diz que já ouviu alguns partidos prometerem isso.

“O candidato da Frelimo a Presidente da República prometeu emprego para todos os jovens, mas em 2014 também prometeu e isso não é novidade para mim", diz.

Ele tem mais perguntas: "Eu quero saber como vai dar emprego, no próximo quinquénio, quais são as estratégias de promoção do emprego? Se a Renamo está a prometer combater a corrupção, como vai fazer isso?"

Laura Cherene e Leonardo Agostinho esperam que mais do que prometer os partidos se concentrem em mudar a realidade do pais.

Na província de Nampula, além da corrida ao Parlamento, concorrem a Assembleia Províncial para eleger o governador quatro partidos, nomeadamente a Frelimo, Renamo, MDM e Amusi.

Acompanhe:

Eleitores de Nampula questionam promessas de partidos políticos
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:33 0:00

Fórum Facebook

Poderá gostar também

XS
SM
MD
LG