Links de Acesso

Eleições no Zimbabwe: Partido no poder vence, oposição rejeita resultados


Emmerson Mnangagwa

Emmerson Dambudzo Mnangagwa, candidato da ZANU-FP, partido no poder no Zimbabwe, ganhou as eleições com 50.8 por cento dos votos contra 44.3 por cento do seu adversário mais próximo Nelson Chamisa, da Aliança MDC.

A oposição não aceita os resultados.

O processo eleitoral zimbabueano terminou nas primeiras horas desta Sexta-feira, 3 de Agosto, com a proclamação do vencedor das eleições presidenciais, Emmerson Mnangagwa, pela Comissão Eleitoral.

Concorreram 23 candidatos para um único posto de Chefe de Estado, dispersando os votos. Então, a diferença entre o vencedor e o seu adversário mais próximo é de cerca de 300 votos.

Nelson Chamisa, da Aliança Movimento para Mudança Democrática, considera que houve fraude e não pode aceitar os resultados.

Um líder de um grupo cívico pró-MDC disse à VOA que não vão aceitar os resultados: "Então, como povo zimbabueano dissemos que estas eleições são ponto de viragem – vida ou morte.. Não vamos aceitar este lixo.

Já Paul Mangwana do Departamento Jurídico ZANU-PF relativiza o comentário: "Todos são permitidos serem malucos. E podem exercer esse direito. Isto é maluquice."

Mnangagwa venceu eleições, oposição zimbabweana rejeita resultados
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:55 0:00

Na África do Sul, o Presidente Cyril Ramaphosa, na qualidade de Presidente em exercício da SADC felicitou o vencedor e apelou a todos os partidos políticos zimbabueanos a trabalharem com o Presidente eleito para a recuperação da economia do Zimbabwe.

Emmerson Dambudzo Mnangagwa, cerca de 76 anos, é um veterano político da ZANU-Frente Patriótica.

Assumiu vários cargos no governo de Robert Mugabe tendo sido Ministro de Segurança, da Justiça, Presidente do Parlamento e vice-presidente da República. Foi afastado da vice-presidência e expulso do partido por alegadas desavenças com a esposa de Robert Mugabe, que tencionava ocupar o cargo de vice-presidente e eventualmente candidatar-se à presidência do Zimbabwe.

Três mortos em confrontos pós-eleições

Mnangagwa refugiou-se na África do Sul e regressou a casa depois da destituição de Robert Mugabe por militares. Assumiu o poder que agora fica legitimado.

Entretanto, a oposição não está conformada com a vitória de Emmerson Mnangagwa nem da ZANU-PF e promete impugnar os resultados através de tribunal.

Morreram duas pessoas, consequência da violência pós-eleições em Harare
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:13 0:00

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG