Links de Acesso

Dirigentes juvenis angolanos querem encontro com João Lourenço


Acusam ministério da juventude e CNJ de nada fazerem em prol dos jovens "em situação desesperada"

Dirigentes de organizações juvenis angolanas pediram formalmente numa carta um encontro com o presidente João Lourenço acusando o ministério da Juventude e Desporto e o Conselho Nacional da Juventude, CNJ, de nada fazerem para resolver os problemas que a juventude vive.

Jovens quere encontro com João Lourenço - 1:19
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:19 0:00


Gaspar Fernandes Secretário Nacional da Juventude do PRS, disse que não houve outra solução senão recorrer ao Presidente João Lourenço por inércia do Conselho Nacional da Juventude, CNJ, e do Ministério da Juventude e Desporto.

“Não há programas concretos tudo não passa de meras promessas”, disse afirmando que a situação de falta de empregos e meios de sobrevivência estão a levar os jovens “a procurar outros meios para poderem sobreviver, tal como delinquência e as drogas”.

“Não queremos que isso aconteça”, disse.

Nelson Francisco, líder da Juventude Resiliente de Angola, acredita que junto do presidente da República, poderão expôrr todas as preocupações que afligem a juventude.

"Nós preferimos acreditar de que junto da sua excelência senhor presidente da República, vamos poder na primeira pessoa endereçar aquilo que são os nossos descontentamentos aquilo que são as preocupações da Juventude”, disse.

Segundo Francisco Teixeira, presidente do Movimento dos Estudantes Angolanos, é importante a intervenção do Chefe do estado e o encontro com o presidente tem como objectivo "chamar-lhe a atenção (paa o facto) que a juventude está completamente abandonada e está órfã das instituições que deviam o proteger”.

O primeiro encontro entre o presidente João Lourenço e as lideranças juvenis em Angola aconteceu a 15 de Maio de 2019 , tendo sido realizado o segundo encontro no dia 26 de Novembro do ano 2020 pelo mesmo formato.

A VOA tentou contactar sem sucesso a liderança do CNJ e do Ministério da Juventude e Desporto.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG