Links de Acesso

COVID-19: Moçambique, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe anunciam novos casos


Hospital de Campanha, São Tomé e Príncipe

As autoridades de Saúde de Moçambique, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe anunciaram nesta quarta-feira, 3, novos casos do coronavírus, enquanto na Guiné-Bissau e Angola não houve qualquer atualização dos números.

A porta-voz do Ministério da Saúde são-tomense, Isabel Santos, anunciou mais um caso, aumentando para 485 o total de casos acumulados da Covid-19.

Dos infetados, 400 estão em isolamento domiciliar, 68 foram recuperados e cinco estão no hospital de campanha.

Até agora, o país registou 12 mortes.

Em Cabo Verde, o Ministério da Saúde anunciou mais 11 casos de infeção pelo novo coronavírus, todos na cidade da Praia, a capital, com o total acumulado no país a subir para 477.

A capital continua a ser o principal foco do vírus, com 403 casos, dos quais quatro óbitos e 177 doentes recuperados da doença.

A ilha de Santiago, onde está a cidade da Praia tem 412 infetactos, Boa Vista (56), São Vicente (4) e Sal (4).

Uma quinta vítima foi registada no início da pandemia, um turista inglês que foi o primeiro caso conhecido da doença no país.

Em Moçambique, a diretora nacional de Saúde, Rosa Marlene, anunciou mais nove casos no país, que passa a ter 316 infetados, no total, dos quais dois morreram.

Os novos casos foram registados na província de Niassa (quatro) e Cidade de Maputo (cinco).

Do total, 146 estão na província de Cabo Delgado, 61 em Nampula, dois na Zambézia, 57 na cidade de Maputo, cinco em Niassa, 22 na província de Maputo, 12 em Sofala, quatro em Tete, um em Manica, três em Inhambane e também três em Gaza.

Sem atualização de dados hoje, a Guiné-Bissau continua com 1.339 casos acumulados, dos quais oito morreram, e Angola 86, com duas mortes.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG