Links de Acesso

COVID-19: Cabo Verde, com início de voos nacionais, e Moçambique registam novos casos


Hospital Central Dr. Agostinho Neto, Praia, Cabo Verde

As autoridades sanitárias de Cabo Verde e Moçambique anunciaram mais casos do novo coronavírus nesta quarta-feira, 15.

Em Cabo Verde, há três casos considerados críticos, dos quais até ontem um estava no ventilador.

O diretor nacional de Saúde, Artur Correia, disse que o país registou hoje mais 58 casos, sendo 23 na ilha do Sal, a segunda mais afetada pela pandemia.

Os restantes foram em Santigo, São Nicolau e, São Vicente, que volta a ter uma infecção.

O arquipélago contabiliza 1.837, dos quais 19 terminaram em óbitos, e tem 850 recuperados.

Entretanto, também, hoje recomeçaram os voos interilhas, a cargo da TICV que em três voos transportou cerca de 280 passageiros.

As medidas de distanciamento social são obrigatórias bem como o uso de máscaras.

Em Moçambique, o Ministério da Saúde revelou hoje mais 62 casos de infeção pelo novo coronavírus, elevando o total para 1.330.

O número de vítimas fatais mantém-se em nove.

Os novos casos foram registados nas províncias de Maputo, Cabo Delgado, Nampula, Tete, Sofala, Inhambane, Gaza e cidade de Maputo.

Em Angola, ontem o secretário de Estado de Saúde Pública Franco Mufinda anunciou mais 16 casos da Covid-19 no país, aumentando para 541.

Os novos casos são todos da província de Luanda e o número de mortos mantém-se em 21.

Também até ontem, São Tomé e Príncipe tinha 736 infeções, enquanto a Guiné-Bissau, o país africano de língua portuguesa com mais casos, regista desde há vários dias 1.842 casos.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG