Links de Acesso

COVID-19: Angola, Moçambique e Cabo Verde registam novos casos e mortes


As autoridades de saúde de Angola, Moçambique e de Cabo Verde anunciaram neste domingo, 5, mais casos do novo coronavírus e mais mortes.

A ministra angolana da Saúde, Silvia Lutucuta, revelou mais sete casos, elevando o número total de infeções para 353.

Dois desses casos são de contaminação local, enquanto os restantes cinco não têm vínculo epidemiológico e estão a ser investigados.

O país mantêm os 19 óbitos e 226 casos são considerados ativos.

Em Moçambique, o Ministério da Saúde anunciou mais uma morte, a oitava, uma menina de 17 anos que estava internada desde o dia 30 de junho no Hospital Central de Maputo, mas que tinha doenças congénitas.

A nota do Ministério acrescenta que foram registados mais 18 casos, aumentando o total para 697, dos quais 270 são considerados recuperados.

Tal como Moçambique, Cabo Verde também registou mais uma morte, a 17a. desde o início da pandemia.

Nas últimas 24 horas, e segundo o Ministério da Saúde, foram registadas mais 31 infeções.

Desde março, o arquipélago tem um total de 1.451 casos, dos quais 777 estão ativos.

A ilha de Santiago é o epicentro da pandemia no país, com um total de 1.104, seguida da ilha do Sal, com 261 casos.

A Guiné-Bissau, o país lusófono em África com mais casos, mantém os 1.765 casos anunciados na sexta-feira, 3, com 25 mortes, enquanto São Tomé e Príncipe tem 719 infeções, com 13 mortes.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG