Links de Acesso

Conselho de Segurança renova missão em Bissau com objectivos específicos


Uniogbis fecha portas em Dezembro de 2019

O Conselho de Segurança das Nações Unidas aprovou nesta quinta-feira, 28, a renovação do Escritório Integrado das Nações Unidas para a Consolidação da Paz na Guiné-Bissau (Uniogbis) até o fim de 2020.

A decisão prevê que a missão deve transferir todas as suas funções para órgãos nacionais e regionais.

A Uniogbis tem por missão, de acordo com a resolução, o acompanhamento das eleições, preparação da agenda de reforma e encerramento de todas as suas delegações regionais e a transferência das suas funções para o Escritório da ONU na África Ocidental.

O documento determina também que, a partir de junho deste ano, a missão deve ser uma missão “política especial reduzida e dirigida por um representante especial com categoria de subsecretário-geral”.

Em entrevista à ONU News, em Nova Iorque, o ministro dos Negócios Estrangeiros da Guiné-Bissau, João Butiam Có, reagiu dizendo que a possibilidade de a missão encerrar no final de 2020 não assusta os governantes do país.

“Em primeiro lugar, congratulamos a renovação do mandato por mais um ano da Uniogbis e pela missão que tem pela frente durante os próximos 12 meses. Temos as eleições legislativas, que estamos em campanha, e no dia 10 será uma realidade. Esperamos que depois disso possa haver um virar de página e que os guineenses possam coabitar tendo um governo preocupado com o desenvolvimento do país”, afirmou Có, lembrando que o país deve realizar eleições presidenciais em Outubro ou Novembro deste ano.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG